quinta-feira, 30 de abril de 2009

Tempo Breve

Imagem por Maria Matina



Fria brisa matutina

Trago o mundo, mente leve

Vida vil nada me ensina

Noite insana não me deve

Se há algo lá em cima

Que o corpo se reveze

Pois disposto a outro clima

E pra este o tempo é breve



Texto por André Calazans

9 comentários:

  1. Muito bom, adorei a combinação!! muito obrigada por completar meu trabalho com tão belas palavras!

    ResponderExcluir
  2. Amiga... mas um de seus belos trabalhos... sempre me surpreendendo... Cada dia q passa meu amor só aumenta e sinto mais orgulho dessa artista e amiga maravilhosa que tenho!!! ;o)

    ResponderExcluir
  3. Matina e André, parabéns. A imagem, eu já conhecia. A poesia, ela realmente a completa. Muito boa a combinação. :)

    ResponderExcluir
  4. Parabéns aos dois artistas! Pela imagem e belas palavras.

    Eu gosto muito de poemas assim, com poucas palavras, curtos, porém capazes de expressar tanto!

    E que pintura linda que, além de possuir "conteúdo", tem cores tão lindas e bem escolhidas e combinadas!

    ResponderExcluir
  5. Maria Matina, seu nome é lindo. Vejo este trabalho como um flagrante em negrito. Que bom gosto e maturidade na intuição dos materiais e dos tons!
    André, tive prazer de ler em voz alta o Tempo Breve, para ouvir a sua rima perfeita de uma realidade tão imperfeita.

    ResponderExcluir
  6. Pois é, achei o trabalho dos dois ótimo e também li a poesia em voz alta, o que faz uma baita diferença.

    Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Nossa gente muito obrigada por esses lindos comentários, estou muito feliz com a combinação!! Adorei e já estou ansiosa pela próxima rodada!!

    ResponderExcluir
  8. Matina, a imagem fala por si só. A poesia é apenas uma das múltiplas interpretações para um quadro tão intenso. Parabéns pela obra !

    ResponderExcluir
  9. Obrigada!mas ainda acho que nossas obras se complementaram, pena você não ter ido no nosso encontro, foi muito legal!!

    ResponderExcluir