sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Coqueiro



Cocos caídos perto de um poste em Copacabana
Desde quando concreto é árvore?
Lixeira laranja ainda mais laranja no sol
Olho para cima e quase cego
Passo reto na ida, mas na volta paro pra fotografar
Se fragmentar a cena num quadro, até parece um tronco
Enquanto clico, cai mais um


imagem Maria Matina
texto Fabiano Vianna

6 comentários:

  1. Bah! Genial este coqueiro! Abração pra dupla!

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Parabéns Fabiano!! gosto muito desse desenho e agora ela ficou mais legal!! Valeu!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela sensibilidade com a qual puderam perceber as selva urbana em que vivemos.

    ResponderExcluir
  4. gostei da simplicidade do trabalho da dupla, pelos traços graciosos dos cocos ( e o contraste entre o verde e o laranja contra o cinzento do poste) e pela singeleza do "flash" poético do fabiano. parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Valeu Diego! Parabéns a você também Matina, por um olhar tão preciso e criativo! Obrigado Gustavo, realmente esta selva é surreal! Obrigado pelo elogio, Guilherme! Também gostei muito dessa ilustração da Matina. Fazia tempo que eu queria postar um conto mais curto aqui no blog. Abração a todos!

    ResponderExcluir