segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Proposta


- Oi, meu nome é Maria, como é o seu?
- O meu nome é Jorge.
- Posso te chupar?
- Como assim?
-Assim... Assim, ué...
- Mas você não prefere me beijar primeiro?
- Hmmm... Não, por quê?
- Sei lá, não estou acostumado com esse tipo de comportamento nas garotas, é meio estranho...
- Mas não é o que acabaremos fazendo, de qualquer forma?
- Não existe essa certeza; de forma geral, as garotas sempre recusam. Tem que dar uma insistida...
- Olha, Jorge. Eu não sou uma garota de forma geral.
- Pois é, eu estou vendo.
- Mas então, você vai querer que eu te chupe ou não?
- Mas sim, por que não? Afinal de contas é carnaval!

Relatório:

“Prezada Jéssica. Conforme o esperado, seu namorado não recusou a proposta de sexo oral. Cabe notar que, com toda a expertise adquirida ao longo destes 27 anos de trabalho, a Investigações Tamanduá encontrou poucas recusas a este tipo de convite. Segundo nosso processo de investigação padrão, todos os homens que recusaram a proposta foram desviados para uma nova linha investigativa afim de comprovar sua sexualidade, e em 100% dos casos os mesmos eram homossexuais. Desta forma, o universo de homens heterossexuais que recusam uma proposta de sexo oral de uma mulher na noite é nulo. No entanto, registre-se que, ainda que não tenha citado expressamente o seu nome ou a relação mantida por vocês, a conversa durou 33 segundos até às vias de fato, o que coloca o seu namorado na faixa de 30 segundos a 1 minuto, que congrega apenas 7% dos homens. A maior parte dos homens, 54% deles, aceitam nos primeiros 5 segundos, e 78% deles não demoram mais que 20 segundos para aceitar a proposta. Não houve, até o momento, homem heterossexual que demorasse mais de 1 minuto para o aceite. Desta forma, a Investigações Tamanduá conclui, embasada pelo tempo de aceite da proposta, que o seu namorado é um rapaz heterossexual, sério, honesto, e cujo potencial de fidelidade é maior do que o da maioria dos homens na mesma faixa etária. Recomenda-se fortemente que este seja o homem escolhido para a contração do matrimônio e posterior construção de família.

Atenciosamente,
Investigações Tamanduá”

Imagem: Fernanda Franco
Texto: Igor Dias

Imagem vencedora do 9º Encontro com texto nela inspirado e vencedor do 10º Encontro.

4 comentários:

  1. A imagem da Fernanda é duka e o texto do Igor, logo que ele mandou por e-mail, dei um feedback. É daqueles que, numa disputa, chega metendo o pé na porta e não dando chance para mais ninguém. Engraçado e bem escrito. Sou fã do texto do Igor e dos desenhos da Fernanda. Esse post reuniu a fina flor do CL&P. Não foi à toa que foram os vencedores e serão muitas outras vezes, como já haviam sido em encontros pretéritos.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom! Rendeu altas gargalhadas por aqui. E agora saber a sexualidade é simples, rápido e fácil.

    :D

    ResponderExcluir
  3. Fico feliz com os comentários do Renato e da Sonhadora [que não consegui identificar, assim, pelo nick... rsrsrs]. Aproveito pra dizer que essa interação artística é muito bacana e muito divertida. E que é um prazer começar a fazer parte desse grupo! XDD

    Abraços,

    Igor

    ResponderExcluir