segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

O VELHO





O velho molda o barro
que se transforma em vaso
usado pelo homem.

A vida faz do velho
o mais fraco dos elos,
tanto que um dia some.

Mas tem velho que insiste,
vaidoso, dedo em riste:
me chame pelo nome!

Quando você nasceu
foi gente como eu
tirando sua fome.




Imagem: Maria Emilia Algebaile
Texto: André Calazans
Post Extra

Um comentário: