quinta-feira, 12 de junho de 2014

MENINO





Menino indo pra onde,
vem de perto ou vem de longe?

Vai pra esquerda ou pra direita,
não se importa nem se ajeita.

Sua sombra quase pisa,
muda-lhe o rumo a brisa.

Vira pra lá, olha cá,
aprendendo a se levar.

Livre é seu movimento,
além dos dias cinzentos.

Seu destino segue assim,
tão distante do meu fim.


Imagem: Paulo Resende
Texto: André Calazans
Post Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário